iPhone 11 o que a imprensa


Dos seus smartphones: iPhone 11, 11 Pro e 11 Pro Max. Já na sexta-feira (13) a companhia iniciou a pré-venda dos celulares, e, segundo o analista Ming-Chi Kuo, da TF Securities, o número de encomendas já estaria ultrapassando as expectativas da marca.

Nomes da imprensa especializada estadunidense já receberam e analisaram o produto. Para Chris Smith, do BGR, "esses são os melhores iPhones já feitos, com o iPhone 11 sendo facilmente o telefone que a maioria das pessoas desejará comprar", mas ressalta que o melhor iPhone deste ano é o 11 Pro, principalmente porque tem um pacote completo de antenas um pouco melhores, bateria mais potente, display OLED de mais qualidade, além de câmera com zoom e carregador mais potente.

Além disso, o dispositivo conta com quase todos os recursos de software do iPhone 11 Pro.

Manter o telefone imóvel para capturar uma imagem ideal. A jornalista também explica que a lente adicional na parte traseira do iPhone 11 Pro e do iPhone 11 Pro Max, combinada com o processamento de imagem no chip A13 Bionic, faz com que os modelos Pro tenham um desempenho ainda melhor do que o iPhone 11 com pouca luz, assim como melhores fotos em retrato.

Que suas câmeras triplas estranhamente alinhadas têm um objetivo. "O software da Apple emparelhado com o hardware da câmera é o que diferencia as câmeras do iPhone 11 Pro e faz com que o zoom entre as três câmeras seja tão suave, porque elas aplicam o zoom diretamente do centro. Nos telefones Android, em que as três câmeras geralmente estão alinhadas em uma fileira, é necessário deslocar o telefone fisicamente para a esquerda ou para a direita para recompor uma foto, e isso parece menos com o zoom in e out e mais com a mudança para câmeras separadas. É um pequeno detalhe, mas, se você é um entusiasta da fotografia, faz toda a diferença", diz Wong.

Postar um comentário

0 Comentários