CONFIRA

Uber anuncia demissão


Comunicada na última segunda-feira (07) via e-mail pelo CEO Dara Khosrowshahi, e afeta especialmente escritórios nos Estados Unidos e Canadá. Segundo o executivo, essa seria a “última rodada” de desligamentos iniciada em agosto.

Estabelecer uma nova normalidade em como trabalhamos: identificar e eliminar trabalhos duplicados, manter altos padrões de desempenho, fornecer feedback direto e agir quando as expectativas não estão sendo atendidas”, ressaltou Khosrowshahi no e-mail.

Uber Eats, assim como em projetos de direção autônoma. Também determinou que isso incluiria especificamente equipes de marketing de desempenho, RH, tecnologias avançadas e segurança.

Uber na bolsa de valores de Nova York, em maio deste ano. Com isso, suas ações passaram por desvalorização, o que gerou a perda de US$ 5,2 bilhões só no segundo trimestre de 2019, quase o dobro do registrado durante todo o ano de 2018.

Três membros importantes do conselho consultivo, bem como de antigos diretores de operações e marketing da empresa.

Série de cortes em agosto, na qual desligou 400 colaboradores de marketing. Em setembro, seguiu com o plano e demitiu 435 profissionais das áreas de engenharia e produtos.

Postar um comentário

0 Comentários