CONFIRA

Bill Gates critica proposta de imposto


Bill Gates voltou aos holofotes nesta quarta-feira (6) por algumas declarações polêmicas durante uma conferência do jornal The New York Times. O executivo, que normalmente não se envolve em questões da política dos Estados Unidos, sugeriu que pode votar para Donald Trump na eleição presidencial de 2020.

Partido Democrata, incluindo a senadora Elizabeth Warren a mesma que tem como carro-chefe de campanha a briga contra grandes empresas de tecnologia, pedindo até a "quebra" delas em várias companhias menores.

Quando você diz que eu deveria pagar US$ 100 bilhões, aí eu começo a fazer as contas sobre o que sobrou para mim. Desculpe, estou só brincando", comentou o executivo.

Situação, Gates parece mesmo incomodado. O ex-CEO, que tem uma fortuna estimada em US$ 107 bilhões,

Importa quais políticas as pessoas tenham em mente... quem eu achar que tem a abordagem mais profissional na situação atual é provavelmente é o que terá mais peso para mim. E eu espero que o candidato mais profissional seja também um candidato elegível", afirma. Parte da mídia internacional não levou na brincadeira a declaração, afirmando que Gates praticamente declarou que estaria aberto a votar para Trump ser reeleito.

Warren tweetou que ficaria feliz em se encontrar com o executivo para "explicar exatamente quanto" ele iria pagar nos impostos propostos por ela.

Postar um comentário

0 Comentários