CONFIRA

Rivais monitores NVIDIA G-Sync


G-Sync para placas de vídeo fabricadas pela sua rival, a AMD. Até 2018, cada empresa mantinha sua tecnologia em uma competição bem demarcada, e sem nenhum indício de que elas poderiam “conversar” entre si.

Seja embutido nos monitores, e esse processo limitou o número de monitores G-Sync no mercado. Em janeiro deste ano, a empresa incluiu o suporte para monitores FreeSync em suas GPUs GeForce, por meio de driver.

Segmento gamer, a tecnologia FreeSync, da AMD, se estabeleceu de forma mais consistente, uma vez que é mais simples e mais barata de ser introduzida.

Tanto o HDMI-VRR (variable refresh rate) quanto o adaptative-sync para HDMI e DisplayPort. Em outras palavras, os próximos monitores G-Sync funcionarão com ambas as placas NVIDIA GeForce e AMD Radeon.

Não poderão contar com o novo recurso, uma vez que é necessário uma atualização de firmware que só será feita por ela própria.

Uma atualização de firmware e passaram a suportar o VRR com GPUs AMD: o Acer Predator X27P e o Acer Predator XB273 X.

Que usam chip gráfico AMD, provavelmente suportarão o VRR, assim como já ocorre no Xbox One X, eles também poderão ser usados em conjunto com os novos monitores G-Sync.

Novo hardware ao mercado. De qualquer forma, é bom perceber que, dentro de alguns anos, usuários NVIDIA e AMD poderão desfrutar de uma experiência de jogo mais fluida, não importando a tecnologia do monitor.

Postar um comentário

0 Comentários