CONFIRA

BNDES vai criar seu Portal da Transparência


Econômico e Social (BNDES) abriu consulta pública para a definição de quais informações da instituição poderão ser acessadas pela população, em formato aberto, via internet, com o objetivo de aumentar a transparência e permitir maior participação do cidadão nas ações desenvolvidas pelo banco.

Que pretende oferecer à população novas formas de acompanhar a atuação do Poder Público na esfera federal, fomentando uma cultura de transparência dos órgãos públicos junto à sociedade.

Dados que incluem desde as operações realizadas por ele, entre as quais os financiamentos concedidos e as empresas contempladas, à execução orçamentária e gestão de recursos, como licitações, contratos e outros tipos de despesas.

Contribuições, a instituição também vai levar em conta as buscas feitas no seu portal, a complexidade da abertura de tais informações e de que forma o acesso facilita o controle social.

Ficará disponível até o dia 31 de janeiro de 2020 no site do banco. Os interessados podem realizar a pesquisa de forma anônima e ainda têm a opção de indicar outras áreas não listadas na página, enviando e-mail para a instituição.

Órgãos já aderiram à Política Nacional, disponibilizando suas bases de informação, enquanto outros 1.067 ainda não liberaram o acesso.

Postar um comentário

0 Comentários