CONFIRA

Detran RS não vai cobrar do motorista


Para a impressão do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLV). Até hoje, o valor de R$ 4,15 era pago pelo motorista junto com a taxa do DPVAT seguro foi extinto pelo presidente Jair Bolsonaro.

Atualmente já era suficiente, pelo menos para o próximo ano. Só a de expedição, que inclui armazenamento e processamento de dados e envio do documento, o motorista paga R$ 87,42 (primeira via, para veículos com até 15 anos) e R$ 61,58 para os com mais de 15 anos de fabricação. 

Essa questão do DPVAT está fora. Não haverá sequer o pagamento daquela taxa referente ao espelho para confecção do documento garantiu Enio Bacci, diretor-geral do Detran.

Detran tem um plano para reduzir as demais. A ideia é criar um documento do carro digital, assim como a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) digital. O estudo já está em andamento no órgão. 

Imprimir seu documento, em qualquer computador, em casa.Estamos só com estudo técnico de segurança quanto ao identificador QR.

Documento digital para o imposto que será cobrado dos motoristas referentes a 2021. A ideia é já começar a implementação em março ou abril.

Buscar exemplos de onde isso tenha ocorrido. O intuito é reduzir gastos e facilitar a vida do cidadão. Se o cidadão puder ter o documento para trafegar digitalizado no celular,como a CNH.

Calendário de pagamento do Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) 2020. Em novembro, o Piratini chegou a anunciar o fim da possibilidade de parcelamento, mas voltou atrás diante da repercussão negativa.

Segundo o governo, os contribuintes que optarem pela quitação antecipada têm como data-limite o dia 30 deste mês e os descontos poderão alcançar até 24,92%.

Postar um comentário

0 Comentários