Centurión assina com Vélez e contrato


A chegada do jogador envolve um fato inédito ao futebol argentino.O contrato dele possui uma cláusula contra violência de gênero que protege o clube caso o atleta se envolva novamente em algum caso. Ele foi acusado de agressão pela ex-companheira em 2017.

Ex-namorada do jogador, denunciou o meia por agressão.À época, ela disse que o então jogador do Boca Juniors a enforcou e quebrou três dentes dela. A justiça argentina expediu uma ordem de restrição.

Custos e sem opção de compra. Em 2018,o clube criou a Área de Violência de Gênero, como parte do Departamento Jurídico,e se tornou o primeiro clube a ter um espaço dedicado à questão. Foi justamente esta área que sugeriu a inclusão da cláusula no contrato.Caso o jogador se envolva novamente em caso semelhante,o vínculo será rescindido.

Enquanto estava no Racing, ele empurrou o então treinador Eduardo Coudet ao ser substituído em partida contra o River Plate. Após o ocorrido, ele foi afastado do clube. Em seguida, foi emprestado para o San Luis, do México.

Postar um comentário

0 Comentários