CONFIRA

Colégios recifenses ensaiam volta


Estadual nº 48810 indicava a suspensão das aulas da rede de ensino público e privado a partir do dia 18 daquele mês. A medida visava mitigar a disseminação do novo coronavírus quando, à época, ainda não havia sido anunciada nem a primeira morte no estado. 

Quando as medidas de distanciamento social deverão ser afrouxadas. Com isso, toda rede de educação precisa encontrar soluções para adequar-se à nova conjuntura, na tentativa de minimizar danos ao aproveitamento do ano letivo. Uma das possibilidades é intensificar o uso de ambientes virtuais.

Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino no Estado de Pernambuco (SINEPE/PE) e do Sindicato dos Professores do Estado de Pernambuco (SINPRO/PE), as instituições particulares de ensino do estado adiantaram o período de férias para alunos e docentes. Posteriormente, as férias foram prorrogadas até o fim de abril.

Vigência do decreto atual, os colégios se preparam para adotar novas medidas, em diversos panoramas, enquanto aguardam novos posicionamentos governamentais.

Nessa segunda-feira (3), um comunicado aos seus alunos e familiares indicando os possíveis cenários a partir do mês  maio. Caso o isolamento social seja mantido no modelo atual, as aulas voltarão, para todos os estudantes, da Educação Infantil ao Ensino Médio, no próximo dia 5 em formato online.

Marista, comenta que formato de aulas será uma novidade. “Nunca tivemos esse tipo de aula. Nós usamos uma plataforma onde os professores disponibilizam os materiais que utilizam nas aulas (slides, fichas e afins) e nessa plataforma há a possibilidade de realizar chamadas de vídeo com um grande número de pessoas. O que já tivemos foi uma chamada de vídeo com os professores e coordenação mas com o intuito de mostrarem apoio aos estudantes neste momento”.

Caso do Colégio Santa Maria. Apesar de ainda não ter emitido nota oficial sobre o assunto, o colégio pretende intensificar o uso de plataformas digitais, caso a quarentena seja mantida. O formato já está sendo aplicado a partir do sexto ano do ensino fundamental até terceiro ano do ensino médio.

Isso é um compromisso nosso, do Santa maria, com nossos alunos e famílias. O colégio está usando tecnologia e desenvolvendo o programa educacional de forma online. Temos o Google For Education e a plataforma própria do Santa Maria para alunos a partir do sexto ano”, aponta a diretora da instituição, Rosa Amélia Muniz.

Serem ministradas no mês de julho, de janeiro de 2021 e aos sábados, reforçando que tudo depende de quando o isolamento terminará. A informação foi confirmada pelo o presidente do SINEPE/PE, José Ricardo Diniz, como parte do acordo já firmado com o sindicato dos professores.

SINPRO/PE demonstra a boa vontade e empenho de todas as partes para lidar com este momento de crise, buscando o bem comum. Até o momento não há uma recomendação do SINEPE/PE de como as instituições de ensino devem planejar suas atividades a partir do mês de maio, devido ao fato de todos os passos futuros dependerem das medidas adotadas pelos governos federal e estadual.



FONTE: Diariodepernambuco

Postar um comentário

0 Comentários