Manchester United prevê grande queda


Cifras milionárias do mercado de futebol. É o que avaliar o vice-presidente e diretor executivo do Manchester United, um dos clubes mais ricos do planeta. Em um fórum com torcedores dos Red Devils, Ed Woodward garantiu que as próximas transações de jogadores serão com valores menores.

Momento em que a imprensa inglesa noticiou um suposto interesse do Manchester United pelo astro do Tottenham e capitão da seleção inglesa, Harry Kane. Os rumores dão conta de que o time vermelho pagaria até 200 milhões de libras (228 milhões de euros, ou R$ 1,3 bilhão) pelo atacante, transformando-o no mais caro da história.

Portanto, quanto mais durar a crise, maior o impacto para os clubes. Ninguém deve se iludir com a magnitude do desafio que o futebol enfrenta e é provável que nenhum clube, inclusive o nosso, possa fazer o que é habitual no mercado de transferências neste verão (europeu) – concluiu Woodward.

PSG, em agosto de 2017, foram feitas sete transferências de mais de 100 milhões de euros. Woodward acredita que essa tendência seja quebrada nas próximas janelas. Vários clubes ingleses negociam a redução de salários com seus elencos.

Campeonato Inglês da atual temporada tem mais 92 jogos a serem disputados. Segundo publicou neste sábado o jornal “The Times”, a Premier League tem um plano para finalizar o torneio entre os dias 8 de junho e 27 de julho, mas ainda negocia com clubes e autoridades para viabilizá-lo.


FONTE: GLOBO ESPORTE

Postar um comentário

0 Comentários