Chiellini rasga elogios controversos a Sergio Ramos



Semana como as críticas a Felipe Melo e elogios a Balotelli. E novas partes do livro escrito pelo defensor da Juventus vieram à tona e ganharam destaque na imprensa europeia neste sábado, envolvendo uma série de elogios polêmicos ao zagueiro Sergio Ramos.

Admiração pelo defensor do Real Madrid em outras oportunidades, o chamando de melhor zagueiro do mundo. E, na biografia, o italiano repete sua opinião e defende Ramos das críticas de ser impulsivo ou pouco tático, indicando, inclusive, que o espanhol é o oposto de seu estilo.

Sergio Ramos tem duas características que quase ninguém tem. A primeira, ser decisivo nos jogos importantes "com intervenções além de qualquer lógica, até com lesões que provoca com astúcia quase diabólica".

Espanhol, segundo Chiellini, é a força que ele consegue transmitir para a equipe quando está em campo e consequentemente a falta que ele faz quando não joga,como na partida de volta contra o Ajax, nas oitavas de final da Liga dos Campeões da temporada passada.

Suspensão porque ele é autêntico: disse que na vida se tem que escolher, e reconheceu com franqueza tem buscado o amarelo para ficar limpo para as quartas de final. Com ele no Bernabéu, podem ter certeza que os merengues não teriam perdido por três gols de diferença. Aposto o que quiserem.


FONTE: GLOBO ESPORTE

Postar um comentário

0 Comentários