CONFIRA

China confina meio milhão perto de Pequim por surto de Covid


Anunciaram neste domingo, 28, o confinamento de quase meio milhão de pessoas que vivem nos arredores da capital, Pequim, por causa de um novo surto de Covid-19.

Cerca de 300 novos casos na cidade, em pouco mais de duas semanas, alimentou o medo de uma segunda onda de contágios.

Em uma situação descrita como “séria e complexa” pelo governo. O ministério da Saúde divulgou, neste domingo, 14 novos casos em Pequim nas últimas 24 horas, elevando o total para 311 desde o início.

Confinamento do cantão de Anxin, localizado a 60 quilômetros ao sul de Pequim, na província de Hebei. A partir de agora, apenas uma pessoa por família poderá sair, uma vez por dia, para comprar.

A feira fornece produtos frescos, principalmente para supermercados e restaurantes. Cerca de um terço dos novos casos relatados até agora está relacionado à seção de carne bovina e de cordeiro do mercado, informaram autoridades da prefeitura, em entrevista coletiva neste domingo. “A situação epidêmica na capital é séria e complexa”, disse o porta-voz da cidade, Xu Hejian. 

Campanha de diagnóstico, fechou escolas e pediu à população de Pequim que não deixe a capital. Também confinou milhares de pessoas que vivem em áreas residenciais consideradas de risco. 


FONTE: VEJA

Postar um comentário

0 Comentários