Ex-Palmeiras Tobio diz que treinou mesmo



A informação é do diário “Super Deportivo AM”, que publico reproduções de conversas por aplicativo de mensagens entre o defensor e o médico do clube.

Com uma ação na Federação Mexicana de Futebol e pediu indenização de U$ 1,2 milhões (R$ 6,3 milhões, na cotação atual) pela quebra do vínculo. O valor é referente ao que o argentino ganharia até o fim do contrato, que iria até dezembro de 2021. Ele promete levar o caso à Fifa, caso não ganhe a causa.

Clube foi manchada após uma série de fatos ocorridos a partir do dia 12 de julho”. Na data mencionada, Tobio usou seu perfil no Instagram para denunciar que treinou, mesmo após ter testado positivo.

Covid-19! Apesar de terem me feito treinar do mesmo jeito, já estou melhorando. Obrigado a todos – publicou o jogador.

Sintomas de coronavírus e foi submetido a um teste. No dia 1º de julho, treinou normalmente e, pela noite, soube do resultado positivo.

Dia 5, após recomendações do médico do Toluca, José Luis Serrano. No entanto, no dia 6, tanto Serrano, quanto o diretor esportivo da equipe, Jacobo Benozillo, requisitaram a presença do jogador no clube.

Cinco dias depois do resultado positivo do seu teste. O protocolo prevê que pessoas infectadas pelo vírus necessitam pelo menos 14 dias de isolamento. Tobio sentiu sintomas no dia 8, não foi treinar, mas compareceu ao clube no dia 9 para novo teste. Após o resultado negativo, o argentino resolveu fazer a publicação nas redes sociais.



FONTE: GLOBO ESPORTE

Postar um comentário

0 Comentários