CONFIRA

Controle de privacidade Google

 


Agosto de 2018 foi bem movimentada: o tema da discussão foi a matéria da Associated Press sobre como a Google guardava a localização de celulares, mesmo que o usuário escolhesse não divulgar seus dados.

Procuradoria Geral do Estado do Arizona (EUA) na ação contra a empresa, nem mesmo os engenheiros de software conseguiam entender o controle de privacidade Google – vá dizer os usuários.

Fraude ao consumidor contra a Google), os funcionários se mostram confusos e, alguns deles, até mesmo revoltados com a possibilidade de, mesmo tendo desativado a localização do dispositivo, ainda poderem ser rastreados.

Localização no meu celular. O jeito que fazemos isso é suficiente para confundir até um especialista em privacidade. Isso não é bom", diz um engenheiro de software da gigante de tecnologia.

Como o controle de privacidade Google em dispositivos Android e iOS permitia o armazenamento da localização do usuário, mesmo que este tivesse configurado o celular para não fazê-lo. 

Você desativar o Histórico de localização, alguns dados de local poderão continuar sendo salvos em outras configurações [...] quando você usar outros serviços, como a Pesquisa Google e o Maps.”)

Dessas ferramentas e controles robustos para que as pessoas possam ligá-las ou desligá-las e excluir seus históricos a qualquer momento.” A explicação não convenceu o procurador-geral Mark Brnovich e, agora sabemos, nem mesmo os próprios engenheiros da Google.



FONTE: TECMUNDO

Postar um comentário

0 Comentários