Alienígenas vivendo entre nós: O confronto com outros casos

 


Fantástico até para os que acreditam em alienígenas e suas visitas ao nosso planeta.

Entre nós. Analisando alguns casos e fotos de outros eventos da casuística ufológica, percebi que existem algumas semelhanças interessantes que parecem confirmar que o caso Valiant Thor ocorreu realmente, a não ser que todos os outros, envolvendo pessoas de diferentes locais e épocas, também sejam invenções ou inverídicos.

Alienígena que alegou ser de Vênus, que parecia indistinguível dos humanos e supostamente possuía um QI de 1200, interagiu por três anos com o presidente Eisenhower e o vice-presidente Richard Nixon na Casa Branca e bases da Força Aérea.

Cristão evangélico e fundador de um grupo chamado Cruzadas de Evangelismo Internacional, que afirmou ter conhecido este ser, chamado Valiant Thorm e sua assistente Jill.

Depois que uma funcionária do Pentágono chamada Nancy Warren contatou o pregador e lhe disse que Thor queria um encontro pessoal com ele, o que ocorreu em março de 1957, em Alexandria, Virginia.

Frank que foi por causa da fé cristã do pregador que ele foi escolhido, porque (como lhe disse o alienígena) Jesus Cristo era um alienígena e não um humano.

Bem essa história toda começou quando Harley Andrew Byrd (sobrinho do contra-almirante Richard Byrd da Marinha dos Estados Unidos, que supostamente liderou uma expedição à Antártica onde ele e seus homens foram atacados por um disco voador em 1945), ocupava um cargo de alta segurança no Pentágono quando recebeu, no início de março de 1957, uma mensagem urgente do Departamento de Polícia de Alexandria.

A mensagem dizia que dois policiais em serviço viram uma nave pousar e dela saiu um alienígena, praticamente igual a nós, o qual pediu para falar com as autoridades do país. Os policiais o levaram até o Pentágono para se encontrar com o Subsecretário de Defesa. Dali, seguiu para o subsolo onde se encontrou com o presidente Eisenhower e o vice-presidente Richard Nixon.

A reunião durou quase uma hora e, então, o visitante estrangeiro foi colocado no status VIP e levado de volta ao Pentágono, onde passou a noite na recepção do Exército no primeiro andar perto do saguão. O nome deste alienígena era Valiant Thor.

Mais tarde, uma funcionária do Pentágono, Nancy Warren iria entrar em contato com o alienígena, e depois foi providenciado o encontro de Thor com o pregador e teólogo Dr. Frank E. Stranges.

Val Thor se reuniu com o presidente para discutir os problemas do mundo e oferecer conselhos sobre como lidar com eles. Afirmou ao Presidente Eisenhower que o mundo estava em uma situação precária devido à possibilidade de uma guerra nuclear catastrófica. Embora tenha tentado convencer as autoridades a marcarem uma sessão extraordinária na ONU, onde seria apresentado para que tivessem inicio os trabalhos conjuntos de todas as nações visando estabelecer uma nova política internacional de cooperação e mudança no planeta, a proposta de Thor não foi bem recebida no meio militar. Thor acabou desistindo e segundo consta partiu em 16 de março de 1960 de volta para seu planeta.


FONTE: OVNI HOJE

Postar um comentário

0 Comentários