Trending

Escassez de chips gera queda nas vendas

 


6% no 3º trimestre de 2021, aponta um recente relatório da Canalys. Publicado nesta sexta-feira (15), o documento cita que a queda está relacionada diretamente com a escassez global de chips.

Negativo nas cadeias de suprimentos da indústria de tecnologia. Mesmo com as fabricantes tentando suprir a demanda de produtos, a falta de componentes é o maior obstáculo.

Especialistas dizem que as marcas estão bem preocupadas com essa questão. Então, a chegada da temporada de compras natalinas torna o problema ainda maior.

Estão aumentando os preços para desestimular o excesso de pedidos. Essa é uma tentativa de preencher o espaço entre a oferta e a demanda”, disse Ben Stanton, analista principal da Canalys.

Sentindo o impacto da falta de componentes. Um exemplo disso é a possibilidade da Maçã reduzir a produção do iPhone 13.

Analista acredita que os consumidores não encontrarão aparelhos com grandes descontos neste fim de ano. Segundo as estimativas, dificilmente as marcas vão reduzir os preços, visto que os custos de fabricação continuam subindo.


Global de celulares no 3º trimestre de 2021. Comparado ao ano anterior, as três principais marcas continuam ocupando as mesmas posições.

Market share, a Apple cresceu 3 pontos percentuais e atingiu 15% de participação. Repetindo o resultado de 2020, a Xiaomi continuou com 14% da fatia do setor de smartphones.


FONTE: TECMUNDO

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem