Nikola Corp desiste de processo de R$ 11 bilhões

 


Patente de design desde 2018. A ação judicial, que pedia um valor de US$ 2 bilhões de indenização, o equivalente a mais de R$ 11 bilhões, foi arquivada nesta terça-feira (4) pela Justiça de São Francisco, na Califórnia.








Copiar as patentes de design, utilidade e direitos sobre logomarca ao lançar o Semi, caminhão elétrico pesado. O processo alegava que o veículo da Tesla era semelhante ao Nikola One, movido a hidrogênio. A companhia de Musk negou a acusação e processou de volta a Nikola Corp.








Após o ex-CEO da Nikola, Trevon Milton, ter sido acusado por promotores nos Estados Unidos por fraude em títulos. Milton negou as acusações, mas foi forçado a renunciar. Em dezembro de 2021, Nikola concordou em pagar à Comissão de Valores Mobiliários U$ 125 milhões para liquidar as acusações que enganou os investidores.







Entre as duas empresas sobre o caso de forma voluntária e sem prejuízo. Os documentos de arquivamento do caso não dão detalhes sobre um acordo entre as duas empresas.








2019, mas até o momento ainda não chegou ao mercado. Em 2021, em uma chamada com investidores, executivos da companhia afirmaram que o lançamento tinha sido adiado para 2022. Apesar disso, a montadora de Musk se tornou a maior do mundo, com valor acima de US$ 1 trilhão.









FONTE: DIA BRASIL NEWS, AJUDE NOSSO SITE COMPARTILHANDO NOSSO CONTEÚDO GALERA ..........

Postar um comentário

0 Comentários