Nirvana processo envolvendo capa de Nevermind

 


Autoria da ex-banda norte-americana Nivana, foi rejeitado pelo juiz Fernando M Olguin, da Califórnia (EUA). A ação judicial foi iniciada por Spencer Elden no ano passado, que alegou que foi vítima de exploração infantil ao ter sua imagem utilizada na capa do disco.





Quando bebê, pelado em uma piscina em direção a uma nota de dólar, utilizada como uma isca para pescá-lo. Desde que veio a  público, a capa se tornou uma das imagens mais clássicas da banda, sendo disseminada pelo mundo todo.





Impactos negativos para a sua vida, como um grande sofrimento emocional e a perda de oportunidades profissionais e acadêmicas.






Defesa do caso, representada por advogados de ex-membros da banda, da gravadora e de Courtney Love, viúva de Kurt Cobain, argumenta que Elden lucrou com a capa do disco durante todos os anos de sua vida, tendo inclusive recriado a imagem em alguns de seus aniversários, fazendo com que as fotos se tornassem populares nas redes sociais.







Juiz, Spencer Elden deve comunicar o Tribunal Distrital da Califórnia até o dia 13 de janeiro.








FONTE: DIA BRASIL NEWS, AJUDE NOSSO SITE COMPARTILHANDO CONTEÚDO NOSSO GALERA ...........


Postar um comentário

0 Comentários