Trending

Covid Rio retoma vacinação infantil

 


Brasileiras imunizam novos grupos e faixas etárias nesta sexta-feira (4).





Retoma a vacinação infantil após uma suspensão de três dias devido à falta de doses.






Comorbidades já estão aptas para ser imunizadas, bem como as crianças de 5 a 11 anos com comorbidades ou deficiência e o público geral acima dos 12 anos.





Vacinando as crianças de 6 a 11 anos, e, com a vacina pediátrica da Pfizer, as de 5 anos e as imunocomprometidas.





Comorbidades ou deficiência permanente (física, sensorial ou intelectual) e para populações indígenas aldeadas, além do público geral a partir de 12 anos, e a segunda dose para os públicos elegíveis.






Vacina há pelo menos quatro meses podem receber o reforço do imunizante na capital paulista, bem como os imunossuprimidos que concluíram o esquema vacinal há 28 dias ou mais.





Aplicação de uma dose adicional em todos aqueles que tomaram o imunizante da Janssen há pelo menos dois meses. Veja mais informações no Vacina Sampa.





Vacinação infantil após uma suspensão de três dias, devido à falta de doses. As crianças de 6 anos ou mais sem comorbidades já estão aptas para ser imunizadas, bem como as crianças de 5 a 11 anos com comorbidades ou deficiência e o público geral acima dos 12 anos.





Disponível à população a partir de 12 anos, desde que esteja elegível para a aplicação.





Adultos que tenham recebido a segunda dose há quatro meses ou mais, e nos imunossuprimidos com 12 anos ou mais cuja vacinação tenha sido concluída há pelo menos 28 dias.





Crianças com comorbidades de 5 a 11 anos, e crianças sem comorbidades entre 9 e 11 anos.





Pessoas de 70 anos ou mais com alto grau de imunossupressão, cuja terceira dose tenha sido aplicada há pelo menos quatro meses. Veja mais informações no site da prefeitura.






Pfizer serão aplicadas naqueles que receberam a primeira há oito semanas (até o dia 10 de dezembro), e a da CoronaVac em quem tem data marcada para 4 de fevereiro ou em atraso. Quem tomou a primeira dose da Janssen até 4 de dezembro também pode receber o reforço do mesmo imunizante.






Partir de 18 anos que receberam a segunda dose até 4 de outubro e em imunossuprimidos com 18 anos ou mais que tomaram a segunda há pelo menos 28 dias (até 7 de janeiro). Já a quarta dose é destinada aos imunossuprimidos acima de 18 anos com quatro meses de intervalo da terceira dose.....




Janeiro e 30 de junho de 2010 com a primeira dose, além de oferecer a repescagem ao público acima dos 12 anos.




Perderam a data da aplicação agendada no app Saúde Já, além daqueles que perderam a aplicação agendada no aplicativo.





Tomaram a segunda dose até 28 de setembro. Já a quarta é destinada aos imunossuprimidos vacinados com a terceira dose até 7 de outubro e convocadoS no Saúde Já.




Cuja data da terceira tenha sido há pelo menos quatro meses. A prefeitura também aplica a segunda naqueles que tomaram a CoronaVac há mais de 28 dias, a Pfizer há 60 dias e a AstraZeneca há 90 dias.








FONTE: DIA BRASIL NEWS, AJUDE NOSSO SITE COMPARTILHANDO CONTEÚDO NOSSO GALERA ...........

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem