Trending

Hacker diz ter R$ 35 bilhões em bitcoin

 


Várias revelações, garantiu possuir uma fortuna de 176 mil bitcoins, o equivalente a R$ 35 bilhões. Ainda assim, o especialista em descobrir fragilidades de sistemas afirma que, por querer levar uma vida normal, continua trabalhando diligentemente de segunda a sexta-feira, no horário de 9h às 17h.







Entrevistas com Gummo já teve um primeiro episódio publicado em 2020. Nele, o hacker falava de sua infância difícil. Com o falecimento prematuro de sua mãe, que cuidava dele e dos irmãos, o adolescente de 14 anos começou a aprender a fazer ligações telefônicas grátis e, aos 15, já havia aprendido “a reprogramar cartões de crédito para usá-los em lojas e caixas eletrônicos”.









Sistema da DirecTV nos EUA, que rendeu a ele e um amigo a bolada de US$ 10 milhões, durante alguns anos. Porém, a dupla foi descoberta e recebeu uma proposta definitiva: ir para a cadeia ou utilizar seus conhecimentos para trabalhar em cibersegurança. Dummo optou pela última.








Palavras “hacker” e “bitcoin”, somos tentados a acreditar que Dummo juntou sua fortuna se apropriando indevidamente de criptomoedas dos outros. Não é verdade: ele começou a minerar cedo, através de um iMac em 2010, após o icônico white paper de Satoshi Nakamoto.








Seriam usadas pelas bolsas de Chicago e Nova York, o agora ethical hacker obteve US$ 1 milhão e investiu tudo na compra de mais computadores para mineração. Assim, em apenas um ano e meio, Dummo juntou quase 80 mil BTC, cujo preço era apenas US$ 200.











FONTE: DIA BRASIL NEWS, AJUDE NOSSO SITE COMPARTILHANDO CONTEÚDO NOSSO GALERA ..........

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem