Trending

Operação prende 2.500 suspeitos de violência contra mulheres 2022

 


Policiais civis cumprem mandados em 26 estados e no Distrito Federal para prender suspeitos de praticar crimes de violência contra mulheres. A Operação Resguardo, coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública, prendeu 2.500 homens e atendeu mais de 30 mil vítimas em 2.100 municípios desde 7 de fevereiro até a manhã desta terça-feira (8). 






Os dados consolidados sobre prisões, armas apreendidas, diligências e medidas protetivas serão apresentados pelo ministro Anderson Torres em cerimônia no Palácio do Planalto, às 10h.






Prisão para a proteção da mulher”, segundo a pasta. Ao todo, 10.660 policiais participam da ação. As prisões ocorrem por determinação judicial.






Parceria do Ministério da Mulher, da Família e dos Direitos Humanos, responsável pelos canais de denúncias de violências – como o Disque 180 e o Ligue 100.





Enfrentamento da violência contra a mulher, o Ministério da Justiça investiu mais de R$ 8 milhões em cursos de capacitação e qualificação de agentes das forças de segurança federais e estaduais que atuam no atendimento às vítimas de violência.






Disponibilizou mais de dez cursos, nas modalidades online e presencial, que contaram com a participação de aproximadamente 26 mil agentes.






Situação de Vulnerabilidade, Atuação Policial Frente a Grupos Vulneráveis e o curso presencial de Atendimento às Mulheres em Situação de Violência foram os mais procurados. De acordo com o ministério, a previsão para este ano é de investimentos de R$ 18 milhões em capacitação.







FONTE: BRASIL NOTICIAS ONLINE 1, AJUDE NOSSO SITE COMPARTILHANDO CONTEÚDO NOSSO GALERA .......... 

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem