Trending

Procon-SP notifica Mercado Livre

 


Mercado Livre, na terça-feira (8), a respeito do ataque hacker sofrido pela empresa no dia anterior, quando dados de mais de 300 mil usuários da plataforma foram acessados.








Indícios de comprometimento de senhas, contas, investimentos ou informações financeiras, a empresa fez um comunicado à Securities and Exchange Commission (SEC, a CVM americana), reconhecendo que a falha ocorreu depois que “parte do código-fonte do MercadoLibre, Inc. foi objeto de acesso não autorizado.








Defesa do consumidor paulista, com prazo para resposta até hoje (11), dizem respeito a detalhes da ocorrência e providências que estão sendo tomadas pelo Mercado Livre para proteger os dados pessoais de clientes de acessos não autorizados, “conforme disposto no art. 46 da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD)....




Serviços de atendimento foram atingidos pelo ataque hacker....





Consumidores foram afetados pelo vazamento de dados




Fundação de proteção ao consumidor quais protocolos de segurança foram adotados para evitar a repetição da falha, quantas reclamações foram registradas no SAC da empresa e que tipo de tratamento está sendo dispensado a esses consumidores.








FONTE: DIA BRASIL NEWS, AJUDE NOSSO SITE COMPARTILHANDO CONTEÚDO NOSSO GALERA ..........

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem