Vacina contra covid-19 chega à rede privada

 


Covid-19 na rede privada enquanto perdurasse o estado de Emergência Pública de Importância Nacional (Espin), a fabricante Astrazeneca passa a fornecer os imunizantes para os sistemas particulares de saúde.




3ª dose, para todos acima de 18 anos, desde que tenham recebido a 2ª dose há pelo menos 4 meses, independentemente do imunizante recebido nas doses anteriores.





Requisitos do Programa Nacional de Imunizações (PNI), devem procurar por orientação médica.





Vacinas não será de forma espontânea. A Associação Brasileira das Clínicas de Vacinação (ABCVAC) informa que a pessoa deverá entrar em contato com uma clínica de confiança, a fim de obter informações sobre o agendamento, que dependerá da disponibilidade do imunizante e da indicação médica.




Fabricante nos Estados Unidos. De acordo com a ABCVAC, esse valor se deve aos custos de logística, armazenamento, aplicação, seguro, entre outras variáveis.





Sistema Único de Saúde (SUS), através das unidades básicas de saúde, são fabricadas pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), no Brasil.





Disponíveis nas clínicas do sistema privado de São Paulo. Até o final de semana, espera-se que cheguem remessas para o Rio de Janeiro e Belo Horizonte. Em declaração ao G1, Fabrício Costa, gerente de comunicação da Astrazeneca, disse que a empresa vai disponibilizar 2 milhões de doses do imunizante, que serão entregues conforme demanda das clínicas.





FONTE: DIA BRASIL NEWS, AJUDE NOSSO SITE COMPARTILHANDO CONTEÚDO NOSSO GALERA ..........
Reactions

Postar um comentário

0 Comentários