Uber e 99 terão que explicar corridas canceladas


Transporte em várias cidades, como mostram os diversos relatos nas redes sociais nos últimos meses. De olho nas reclamações, a Secretaria Nacional do Consumidor (Senacon) pediu explicações sobre a prática às plataformas Uber e 99.

Ministério da Justiça e Segurança Pública (MJSP) informou que está em busca de esclarecimentos relacionados às políticas de cancelamento de corridas das companhias. Também foi solicitado um maior detalhamento a respeito do funcionamento dos canais de reclamação disponibilizados pelos apps.

Motoristas que cometem irregularidades, além de questionar altos valores cobrados e outros pontos. Segundo a Senacon, as plataformas de atendimento gerenciadas por ela têm registrado muitas reclamações sobre cobranças indevidas, dificuldades para obter reembolso e não fornecimento de serviço pelas empresas.

Código de Defesa do Consumidor. Constatadas irregularidades, as devidas providências serão tomadas” afirmou o ministro da Justiça Anderson Torres. Uber e 99 têm prazo de 10 dias para responder às solicitações da Senacon.

Excesso pode violar as diretrizes da plataforma. A empresa disse que tem uma equipe responsável por analisar estes casos e que prestará todas as informações ao órgão dentro do prazo.



FONTE: DIA BRASIL NEWS, AJUDE O NOSSO SITE COMPARTILHANDO NOSSOS CONTEÚDOS .....


 

Reactions

Postar um comentário

0 Comentários